Temporada 2016
maio
s t q q s s d
<maio>
segterquaquisexsábdom
252627282930 1
234 5 6 7 8
9 1011 12 13 14 15
1617181920 21 22
232425 26 27 28 29
303112345
jan fev mar abr
mai jun jul ago
set out nov dez
PRÓXIMOS CONCERTOS
PRAÇA JÚLIO PRESTES, Nº 16
01218 020 | SÃO PAULO - SP
+55 11 3367 9500
  • Temporada 2016 | Estado de Escuta
VALENTINA PELEGGI REGE A OSESP EM MATINAL GRATUITO

No domingo [8/maio, 11h], em mais um Concerto Matinal gratuito, a Osesp se apresenta sob o comando de Valentina Peleggi, regente assistente da Orquestra.

O programa inicia com a Abertura da ópera “Il Signor Bruschino” [O Senhor Bruschino], de Rossini.

Em seguida, a Osesp toca a “Sinfonia nº 3 em Ré Maior, D 200”, de Schubert [ciclo “Schubert em Foco”].

“Macbeth: Música de Balé”, de Verdi, encerra o programa.
 
Os ingressos estarão disponíveis na bilheteria da Sala São Paulo a partir da segunda-feira anterior ao concerto [2/maio], limitados a quatro por pessoa.

 

Saiba mais sobre o concerto aqui.

SOLISTAS DA OSESP: FLAUTA, VIOLA E HARPA

Em mais um programa da série Solistas da Osesp [qui 5/maio, 19h e sáb 7/maio, 14h45], na Temporada 2016, os músicos Claudia Nascimento (flauta), Liuba Klevtsova (harpa) e Peter Pas (viola) fazem dois recitais no ambiente intimista da Sala do Coro (localizada no 2º andar da Sala São Paulo), antes dos concertos da Osesp.

No programa, as obras “Syrinx” e “Sonata para Flauta, Viola e Harpa” ambas de Claude Debussy; “Trio Elegíaco para Flauta, Viola e Harpa”, de Arnold Bax; “Sonata para Viola: Hora Lunga” [1º Movimento], de György Ligeti; e “Sonatina para Harpa”, de Alberto Ginastera (em continuidade ao ciclo “Ginastera 100”).

 

Saiba mais sobre as apresentações aqui.

JAMES GAFFIGAN VOLTA A REGER OSESP DEPOIS DE SEIS ANOS E ESTREIA OBRA DO PORTUGUÊS LUÍS TINOCO

O nova-iorquino James Gaffigan, atual regente titular da Sinfônica de Lucerna e regente convidado da Filarmônica da Rádio Holandesa, volta a comandar a Osesp depois de seis anos.

O repertório dos concertos desta semana 5, 6 e 7/maio [qui e sex 21h, sáb 16h30] inicia com a Abertura da ópera “Il Signor Bruschino” [O Senhor Bruschino], de Gioachino Rossini, seguida pela “Sinfonia nº 3 em Ré Maior, D 200”, de Franz Schubert.

A segunda parte começa com mais uma peça de Schubert, o “Entreato nº 3” de Rosamunde, D.797”. Na sequência, a Osesp faz a estreia latino-americana de “O Sotaque Azul das Águas”, do compositor português Luís Tinoco. A peça, estreada em fevereiro de 2016 pela Orquestra Gulbenkian, na cidade de Lisboa, é a segunda produzida para o projeto “SP-LX – Nova Música Contemporânea de Brasil e Portugal”, uma parceria da Fundação Osesp e da Fundação Gulbenkian de Lisboa (a primeira composição coencomendada do projeto – “A Rua dos Douradores - Litania da Desesperança” –, do brasileiro Aylton Escobar, foi estreada em maio de 2015).

 

Saiba mais sobre os concertos aqui.

TEMPORADA OSESP 2016 | ESTADO DE ESCUTA

O tema da Temporada 2016 da Osesp é Estado de Escuta, uma alusão à música como forma de resistência às pressões dispersivas que o excesso de informações e a compulsão de comunicação exercem sobre nós.

 

Com 32 semanas de assinatura, a Temporada 2016 terá dez programas comandados pela diretora musical e regente titular Marin Alsop (que faz a abertura e o encerramento da Temporada, respectivamente, com a Primeira e a Segunda Sinfonias de Mahler); quatro pelo regente associado Celso Antunes (dois sinfônicos, um de câmara e um coral); e dois pela recém-nomeada regente assistente Valentina Peleggi (um de câmara e um sinfônico).

 

Entre as novidades, destaque para a criação da figura de Artista Associada: a contralto e regente Nathalie Stutzmann, que estará com a Osesp nas Temporadas 2016-18.

 

Confira a programação completa da Temporada 2016!