PRAÇA JÚLIO PRESTES, Nº 16
01218 020 | SÃO PAULO - SP
+55 11 3367 9500
SEG A SEX – DAS 9h ÀS 18h
NOTÍCIAS






 
Sala São Paulo Digital: Osesp apresenta obras de Casulana, L. Boulanger e Beethoven
22/mai/2020

Sete domingos depois, chegamos ao fim da série Concerto Digital Osesp Personnalité relembrando o música que fizemos em 8 de março de 2017. Naquela noite, o público lotou a Sala São Paulo para ouvir a Nona Sinfonia de Beethoven – com nossa Orquestra, Coros, solistas e Marin Alsop –, e quase 52 mil pessoas nos acompanharam virtualmente. Na primeira parte do programa, o Coro da Osesp, sob regência de Valentina Peleggi, apresentou obras de Maddalena Casulana e Lili Boulanger, em homenagem ao Dia Internacional das Mulheres. A reestreia acontece neste domingo, 24 de maio, às 19h, no YouTube e no Facebook.

 

 

Coro da Osesp
Valentina Peleggi regente

 

Maddalena CASULANA |  Morir non può il mio cuore

Lili BOULANGER | Hymne au Soleil

 

Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp

Coro da Osesp

Coral Lírico Paulista

Coro Acadêmico da Osesp

Marin Alsop regente

Camila Titinger soprano

Luisa Francesconi mezzo soprano

Paulo Mandarino tenor

Leonardo Neiva barítono

 

Ludwig van BEETHOVEN | Sinfonia nº 9 em Ré Menor, Op. 125 – Coral

I. Allegro ma non troppo, un poco maestoso

II. Molto vivace

III. Adagio molto e cantabile

IV. Finale


[Transmissão ao vivo realizada no dia 8 de março de 2017.]

 

Confira as notas de programa em https://bit.ly/ssp-digital-notas-2017

 

A Sala São Paulo Digital é uma realização da Fundação Osesp e do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. A série Concerto Digital Osesp é patrocinada pelo Itaú Personnalité por meio da Lei de Incentivo Federal da Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal.

 
Osesp apresenta: "O Trenzinho do Caipira", de Heitor Villa-Lobos
20/mai/2020

 

Villa-Lobos compôs o ciclo de nove Bachianas Brasileiras nas décadas de 1930 e 1940. Ele mesmo dizia que sua intenção era “universalizar a música de Bach através do folclore”. Muitas delas se tornaram parte incontornável do repertório. Em boa medida, definem o que pode ser a música brasileira de concerto – aos olhos do mundo e de nós mesmos.

 

O “Trenzinho do Caipira”, das Bachianas nº 2, toca num nervo de nossa identidade mais funda. Ao mesmo tempo arcaica (o caipira) e moderna (o trem), nos faz vibrar com a ideia de uma cultura brasileira, calcada na tradição e no conhecimento, mas também na experiência popular.

 

Villa-Lobos, desde sempre, tem sido um mestre-pai-irmão-amigo de todos nós. Sua música faz parte da história da Osesp, jamais deixará de estar presente nos concertos. E não dá para tocar essa música sem lembrar que estamos na antiga Estação Sorocabana, hoje Sala São Paulo, e ao lado da Estação Júlio Prestes. O "Trenzinho” é um verdadeiro emblema sonoro da Orquestra e da Sala.

 

Interpretado pelos músicos da Casa, cada um na sua casa, regidos à distância por Thierry Fischer, ele vai aqui, em especial, para todos os profissionais na linha de frente do combate à Covid-19 e, também, como expressão de solidariedade e conforto, para todos que sofrem a angústia de ter parentes e amigos isolados em tratamento hospitalar, e todos que perderam entes queridos durante a pandemia. Estamos juntos neste momento. É isso, também, o que nos diz a música de Villa-Lobos, ressoando como nunca no coração de cada um de nós.

 

Arthur Nestrovski (Diretor Artístico) e Marcelo Lopes (Diretor Executivo)
Fundação Osesp

 
Sala São Paulo Digital: Osesp apresenta obras de Korngold e Prokofiev | Marin Alsop (regente) e Renaud Capuçon (violino)
14/mai/2020

27 de agosto de 2011. Foi nesse dia que realizamos o nosso primeiro Concerto Digital – era também a primeira vez que uma orquestra brasileira utilizava transmitia ao vivo uma apresentação pela internet. Relembre a apresentação neste domingo, 17 de maio, às 19h. No pódio, Marin Alsop, que havia sido nomeada Regente Titular da Osesp em fevereiro daquele mesmo ano, cargo que ela assumiria em 2012. Como convidado, recebemos o grande violinista Renaud Capuçon, interpretando o Concerto de Korngold. Encerra essa noite histórica a Quinta de Prokofiev, dando início ao projeto de gravação de todas as sinfonias do compositor russo com a Osesp e Marin, para o selo Naxos.


 

Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp
Marin Alsop
 regente
Renaud Capuçon violino

 

Erich W. KORNGOLD |  Concerto para Violino em Ré Maior, Op. 35
I. Moderato nobile
II. Romanze
III. Allegro assai vivace

 

Bis do solista: Christoph Willibald GLUCK | Orfeu e Eurídice: Dança dos Espíritos Abençoados (versão para violino solo de Fritz Kreisler)

 

Sergei PROKOFIEV | Sinfonia nº 5 em Si Bemol Maior, Op. 100
I. Andante
II. Allegro marcato
III. Adagio
IV. Allegro giocoso

[Transmissão ao vivo realizada no dia 27 de agosto de 2011.]

 

A Sala São Paulo Digital é uma realização da Fundação Osesp e do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. A série Concerto Digital Osesp é patrocinada pelo Itaú Personnalité por meio da Lei de Incentivo Federal da Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal.

 
Sala São Paulo Digital: Concerto Digital | Especial Osesp 60 anos
08/mai/2020

É tempo de relembrar uma noite histórica. Neste domingo, 10 de maio, às 19h, assista à transmissão do concerto em homenagem aos 60 anos da nossa Orquestra, gravado no dia 14 de agosto de 2014. Sob regência de Marin Alsop, o programa contou com a estreia latino-americana do Concerto para Saxofone, de John Adams, interpretado por Timothy McAllister; a Alvorada da ópera Lo Schiavo, de Carlos Gomes; e a Sinfonia nº 5, de Tchaikovsky. Continue na companhia da Osesp, no conforto de seu lar.

 

 

 

Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp
Marin Alsop regente
Timothy McAllister saxofone

Antônio Carlos GOMES | Lo Schiavo: Alvorada

John ADAMS | Concerto Para Saxofone [Coencomenda com as sinfônicas de Sidney, Saint Louis e Baltimore]
I. Animato - Moderato - Tranquillo, Suave
II. Molto Vivo (a Hard Driving Pulse)

Pyotr I. TCHAIKOVSKY | Sinfonia nº 5 em Mi Menor, Op. 64
I. Andante/Allegro Con Anima
II. Andante Cantabile, Con Alcuna Licenza
III. Valse: Allegro Moderato
IV. Finale: Andante Maestoso/Allegro Vivace (Alla Breve)


Confira as notas de programa em https://bit.ly/ssp-digital-notas-2014.

 

[Transmissão ao vivo realizada no dia 14 de agosto de 2014.]

A Sala São Paulo Digital é uma realização da Fundação Osesp e do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. A série Concerto Digital Osesp é patrocinada pelo Itaú Personnalité por meio da Lei de Incentivo Federal da Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal.

 
Sala São Paulo Digital: Osesp apresenta obras de Clarice Assad, Mozart e Schummann
30/abr/2020

A partir das 19h deste domingo, 3 de maio, relembre a transmissão ao vivo da abertura da Temporada Osesp 2012, com a nossa Orquestra sob a regência de Marin Alsop. Além da estreia mundial de Terra Brasilis, de Clarice Assad, o programa conta com o Concerto nº 22 para Piano, de Mozart – com David Fray como solista –, e a Sinfonia nº 5, de Shostakovich. Fique em casa, em nossa companhia.

 

 

 

 

Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp

Marin Alsop regente
David Fray piano

 

Clarice ASSAD | Terra Brasilis – Fantasia sobre o Hino Nacional Brasileiro [Encomenda Osesp 2012 | Estreia Mundial]
 

Wolfgang A. MOZART | Concerto nº 22 para Piano em Mi Bemol Maior, KV 482
I. Allegro
II. Andante
III. Allegro

 

Bis do solista: Robert SCHUMANN | Cenas Infantis, Op.15: Cenas 12 e 13

 

Dmitri SHOSTAKOVICH| Sinfonia nº 5 em Ré Menor, Op. 47
I. Moderato - Allegro Non Troppo - Moderato
II. Allegretto
III. Largo
IV. Finale: Allegro Non Troppo

 

Bis da orquestra: Alexander BORODIN | Príncipe Igor: Danças Polovtsianas

 

[Transmissão ao vivo realizada no dia 10 de março de 2012.]

 

A Sala São Paulo Digital é uma realização da Fundação Osesp e do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. A série Concerto Digital Osesp é patrocinada pelo Itaú Personnalité por meio da Lei de Incentivo Federal da Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal.

 
Sala São Paulo Digital: Osesp apresenta obras de Prokofiev, Mozart e Dvorák
24/abr/2020

A partir das 19h deste domingo, 25 de abril, relembre conosco a transmissão ao vivo que aconteceu em julho de 2013, com a nossa Orquestra, sob regência de Roberto Tibiriçá e com Stefan Jackiw (violino) como solista. Fique em casa, em nossa companhia.

 

 

 

Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp

Roberto Tibiriçá regente
Stefan Jackiw violino

 

Sergei PROKOFIEV | Sinfonia nº 1 em Ré Maior, Op. 25 – Clássica
I. Allegro
II. Larghetto
III. Gavotta: Non Troppo Allegro
IV. Finale: Molto Vivace

 

Wolfgang A. MOZART | Concerto nº 5 para Violino em Lá Maior, KV 219 – Turco
I. Allegro Aperto
II. Adagio
III. Rondeau: Tempo di Menuetto - Allegro - Tempo di Menuetto

 

Bis do solista: Johann Sebastian BACH | Sonata para Violino nº 3 em Dó maior, BWV 1005: III. Largo

 

Antonín DVORÁK | Sinfonia nº 8 em Sol Maior, Op. 88
I. Allegro con Brio
II. Adagio
III. Allegretto Grazioso
IV. Allegro ma non Troppo

 

[Transmissão ao vivo realizada no dia 4 de julho de 2013.]

 

A Sala São Paulo Digital é uma realização da Fundação Osesp e do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. A série Concerto Digital Osesp é patrocinada pelo Itaú Personnalité por meio da Lei de Incentivo Federal da Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal.

 
Sala São Paulo Digital: Concerto Digital Osesp Personnalité | Sinfonia "Ressurreição", de Mahler
18/abr/2020

“Por que você vive? Por que você sofre? Tudo isso não passa de uma enorme e terrível piada? O que é a vida, o que é a morte? Existe para nós um além? Isso tudo é um sonho, ou essa vida e essa morte têm um sentido?”, Gustav Mahler questionou em conversa com a amiga Natalie Bauer-Lechner, violista austríaca. O professor Jorge de Almeida, em texto para a "Revista Osesp" de dezembro de 2016, trouxe essas aspas para explicar a “ideia condutora” da Sinfonia nº 2 em Dó Menor – Ressurreição, de Mahler, cuja gravação relembramos hoje, neste concerto sob regência de Marin Alsop e com Susanne Bernhard (soprano) e Ingeborg Danz (mezzo) como solistas.

 

 

_________
Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp
Coro da Osesp
Coro Acadêmico da Osesp
Coral Lírico Paulista
Marin Alsop
 regente
Susanne Bernhard soprano
Ingeborg Danz mezzo soprano

Gustav MAHLER | Sinfonia nº 2 em Dó Menor – Ressurreição
I. Allegro Maestoso
II. Andante Moderato
III. In ruhiger fliessender Bewegung [Em Movimento Fluente e Calmo]
IV. Sehr feierlich, aber schlicht [Muito Solene, Mas Singelo]
V. In Tempo des Scherzo, kräftig — Langsam [No Andamento do Scherzo — Enérgico — Lento]

 

[Transmissão ao vivo realizada no dia 15 de dezembro de 2016. Leia a nota de programa completa aqui: https://bit.ly/ssp-digital-mahler2.]

 

A Sala São Paulo Digital é uma realização da Fundação Osesp e do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. A série Concerto Digital Osesp é patrocinada pelo Itaú Personnalité por meio da Lei de Incentivo Federal da Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal.

 
Sala São Paulo Digital: Concerto Digital Osesp Personnalité | Missa Solemnis, de Beethoven
11/abr/2020

“De corações – ainda uma vez! – aos corações”, escreveu Ludwig van Beethoven no manuscrito do Kyrie que abre sua Missa Solemnis em Ré Maior. Neste domingo, 12 de abril, a obra que deu início à Temporada 2020 volta a cumprir sua vocação e, a partir das 19h, será reexibida aqui, direto da nossa casa para o seu lar.

 

A Sala São Paulo Digital é uma realização da Fundação Osesp e do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. A série Concerto Digital Osesp é patrocinada pelo Itaú Personnalité por meio da Lei de Incentivo Federal da Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal.

 


__________
Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp
Coro da Osesp
Coro Acadêmico da Osesp

Thierry Fischer regente
Susanne Bernhard soprano
Kismara Pezzati mezzo soprano
Atalla Ayan tenor
Michael Nagy barítono

 

Ludwig van BEETHOVEN | Missa Solemnis em Ré maior, Op. 123

I. Kyrie

II. Gloria
III. Credo
IV. Sanctus
V. Benedictus
VI. Agnus Dei

 

[Transmissão ao vivo realizada no dia 5 de março de 2020.]

 
Sala São Paulo Digital: Concerto Digital Osesp Personnalité | Todos Juntos
04/abr/2020

Neste momento em que não podemos estar fisicamente reunidos na Sala São Paulo, que sigamos todos virtualmente juntos. Hoje relembramos do dia em que "Freude" se transformou em "Alegria" e a Sinfonia nº 9 de Beethoven foi reimaginada para o nosso tempo, cultura e língua. O concerto que encerrou a Temporada 2019, sob regência de Marin Alsop, foi também o pontapé inicial do projeto "Todos Juntos – Uma Ode Global à Alegria", idealizado pelo Carnegie Hall e por Marin. Leia mais sobre o projeto e confira a letra completa em bit.ly/todos-juntos-livreto.

 

A Sala São Paulo Digital é uma realização da Fundação Osesp e do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa. A série Concerto Digital Osesp é patrocinada pelo Itaú Personnalité por meio da Lei de Incentivo Federal da Secretaria Especial da Cultura, Ministério da Cidadania e Governo Federal.

 

 

 

Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo – Osesp
Coro da Osesp
Coro Acadêmico da Osesp
Coral Jovem do Estado de São Paulo
Marin Alsop
 regente
Camila Titinger soprano
Luisa Francesconi mezzo soprano
Paulo Mandarino tenor
Paulo Szot barítono

 

ANÔNIMO | Navio Negreiro (Canto de Capoeira)
Ludwig van BEETHOVEN | Sinfonia nº 9 em Ré Menor - Coral: 1º Movimento
Clarice ASSAD | Transição
Paulo Costa LIMA | Cabinda: Nós Somos Pretos: Ô Zaziê
Ludwig van BEETHOVEN | Sinfonia nº 9 em Ré Menor - Coral: 2º Movimento
Clarice ASSAD | Transição: Alegria, Alegria (Caetano Veloso)
Ludwig van BEETHOVEN | Sinfonia nº 9 em Ré Menor - Coral: 3º e 4º Movimentos

 

 

[Transmissão ao vivo realizada no dia 12 de dezembro de 2019]

 
Mensagens dos nossos diretores, Arthur Nestrovski e Marcelo Lopes
03/abr/2020

Caro(a) amigo(a),

 

Esperamos que se encontre bem. Completamos agora a terceira semana da paralisação das nossas atividades, seguindo orientações das autoridades públicas de saúde. Aqui na Fundação Osesp estamos em trabalho remoto, e as rotinas continuam com o mesmo ritmo anterior. Nossa Sala São Paulo tem passado por revisões de sistemas e algumas intervenções de manutenção. Tudo para garantir que, na volta, tenhamos um ambiente confortável e seguro para você. O mais importante é que nossos músicos e demais funcionários estão todos em segurança e não temos notícias de ocorrências relevantes.

 

Estamos trabalhando agora na preparação do retorno às atividades em horizontes que variam entre 90 e 120 dias. Como prometido em nosso comunicado anterior, avançamos muito na reestruturação da Temporada Osesp, de forma que já temos novas datas definidas para todos os concertos. É importante ressaltar que, nesse cenário, as atividades de 2020 se estenderão aos meses de janeiro e fevereiro de 2021. A Temporada ajustada será publicada no site assim que tivermos permissão das autoridades para retomarmos os concertos. Pedimos que aguarde, manteremos contato.

 

Nossos bancos de dados e sistemas estão sendo atualizados, e, em breve, poderemos enviar comunicados individuais e específicos sobre cada série e/ou apresentação. Os seus cartões de assinatura e/ou ingressos avulsos não precisarão ser alterados ou trocados, pois serão automaticamente válidos para as novas datas.

 

No vídeo abaixo, nosso Diretor Artístico, Arthur Nestrovski, explica o trabalho de revisão da Temporada. Você vai gostar de assisti-lo. Confira a programação da Sala São Paulo Digital (http://salasaopaulo.art.br/digital), assim poderemos seguir próximos, ainda que em casa.

 

Cordialmente,


Marcelo Lopes
Diretor Executivo da Fundação Osesp