veja esse e-mail online Facebook Twitter Youtube Vimeo
Newsletter Abril 3ª Edição
EDIÇÃO Anterior | Confira a programação completa

OSESP COM EIVIND GULLBERG JENSEN (REGENTE) E MARI ERIKSMOEN (SOPRANO) | OBRAS DE MOZART E SIBELIUS | 22 e 23/05, 21H e 24/05, 16H30

Foto: Eivind Gullberg Jensen

A Osesp recebe pela primeira vez o maestro norueguês Eivind Gullberg Jensen, titular da NDR Radiophilharmonie e que tem comandado produções de ópera em prestigiosas salas como English National Opera, Opéra de Lyon e Opernhaus Zürich.
Jensen comandará um programa que apresenta, na primeira parte, obras de Mozart, tendo como solista convidada a soprano norueguesa Mari Eriksmoen. O concerto começa com a “Abertura” e “Ach, ich fühl's” [Ária de Pamina], da ópera A Flauta Mágica, seguindo com Vorrei spiegarvi, oh Dio! e Exsultate, Jubilate.

Na segunda parte, a Osesp interpreta a Sinfonia nº 5, de Sibelius, dando continuidade ao ciclo de sinfonias do compositor finlandês.

Na quinta-feira, 22/05, às 10h, o público poderá acompanhar o Ensaio Aberto da Osesp, com ingressos a R$ 10,00.

22 MAI QUI 21H Pau-Brasil
23 MAI SEX 21H Sapucaia
24 MAI SÁB 16H30 Jequitibá

EIVIND GULLBERG JENSEN REGENTE
MARI ERIKSMOEN SOPRANO

WOLFGANG A. MOZART
A Flauta Mágica, KV 620: Abertura
A Flauta Mágica, KV 620: Ach, ich fühl's (Ária de Pamina)
Vorrei Spiegarvi, oh Dio, KV 418
Exsultate, Jubilate, KV 165

JEAN SIBELIUS Sinfonias de Sibelius
Sinfonia nº 5 em Mi Bemol Maior, Op.82

A programação está permanentemente sujeita a alterações.

ORQUESTRA DE CÂMARA DA OSESP | RAGNAR BOHLIN (REGENTE) E YURIY RAKEVICH (VIOLINO) | 25/05, 16H

Foto: Ragnar Bohlin

Neste programa muito especial, a Orquestra de Câmara da Osesp, regida pelo sueco Ragnar Bohlin, regente titular do Coro da Sinfônica de São Francisco, apresenta, na primeira parte, obras de William Byrd e Orlando Gibbons, arranjadas pelo jovem compositor norte-americano Nico Muhly, alternadas por peças compostas pelo próprio Muhly, inspiradas nesses dois autores elizabetanos.

Na segunda parte, a Orquestra interpreta uma releitura do compositor britânico Max Richter para As Quatro Estações: Inverno, de Vivaldi, encerrando o concerto com Música Aquática: Suíte nº 1, de Händel.

25 MAI DOM 16H Orquestra de Câmara da Osesp

RAGNAR BOHLIN REGENTE
YURIY RAKEVICH VIOLINO

WILLIAM BYRD
Miserere Mei, Deus [Arranjo de Nico Muhly]
NICO MUHLY
Motion
ORLANDO GIBBONS
Gibbons Suite: This is The Record of John [Arranjo de Nico Muhly]
NICO MUHLY
By All Means
WILLIAM BYRD
Bow Thine Ear, o Lord [Arranjo de Nico Muhly]

MAX RICHTER | ANTONIO VIVALDI Sinfonias de Sibelius
As Quatro Estações: Inverno
GEORG FRIEDRICH HÄNDEL Sinfonias de Sibelius
Música Aquática: Suíte nº 1

A programação está permanentemente sujeita a alterações.

JAIME MARTÍN REGE OBRAS DE ALBÉNIZ, MARC-ANDRÉ DALBAVIE E TCHAIKOVSKY, COM O FLAUTISTA EMMANUEL PAHUD COMO SOLISTA | 29 e 30/05, 21H e 31/05, 16H30

Foto: Emmanuel Pahud

O extraordinário flautista franco-suíço Emmanuel Pahud (da Orquestra Filarmônica de Berlim) é o solista convidado do programa da Osesp da última semana de maio, tendo à frente o regente espanhol Jaime Martín, pela primeira vez com a Orquestra.

A apresentação abre com a peça Catalonia, de Albéniz, seguindo com o Concerto Para Flauta, do compositor francês Marc-André Dalbavie – estreado pelo próprio Pahud em 2006 –, e termina com Manfred, Op.58 – Sinfonia em Quatro Quadros [Versão de Evgeny Svetlanov], de Tchaikovsky.

29 MAI QUI 21H Jacarandá
30 MAI SEX 21H Pequiá
31 MAI SÁB 16H30 Ipê

JAIME MARTÍN REGENTE
EMMANUEL PAHUD FLAUTA

ISAAC ALBÉNIZ
Catalonia
MARC-ANDRÉ DALBAVIE
Concerto Para Flauta

PYOTR I. TCHAIKOVSKY
Manfred, Op.58 - Sinfonia em Quatro Quadros [Versão de Evgeny Svetlanov]

A programação está permanentemente sujeita a alterações.

SOLISTAS DA OSESP: QUINTETO DE SOPROS TOCA COMPOSITORES BRASILEIROS | 29/05, 19H e 31/05, 15H45

Este concerto de câmara da série Solistas da Osesp reúne o Quinteto de Sopros para interpretar obras de compositores brasileiros, no ambiente intimista da Sala do Coro.

Com o flautista convidado Rogério Wolf, o oboísta Ricardo Barbosa, o clarinetista Sérgio Burgani, o fagotista Romeu Rabelo e o trompista José Costa Filho, o programa traz o Quinteto Para Instrumentos de Sopro, de Mario Tavares, o Trio nº 2 Para Oboé, Clarinete e Fagote, de Guerra-Peixe, o Choro Breve, de André Mehmari, a Suíte Para Quinteto de Sopros, de Radamés Gnattali, e o Quinteto em Forma de Choros, de Villa-Lobos.

29 MAI QUI 19H Solistas da Osesp Noite
31 MAI SÁB 14H45 Solistas da Osesp Tarde

ROGÉRIO WOLF REGENTE
RICARDO BARBOSA OBOÉ
SÉRGIO BURGANI CLARINETE
ROMEU RABELO FAGOTE
JOSÉ COSTA FILHO TROMPA

MARIO TAVARES
Quinteto Para Instrumentos de Sopro
CÉSAR GUERRA-PEIXE
Trio n º2 Para Oboé, Clarinete e Fagote
ANDRÉ MEHMARI
Choro Breve
RADAMÉS GNATTALI
Suíte Para Quinteto de Sopros
HEITOR VILLA-LOBOS Villa Lobos em Foco
Quinteto em Forma de Choros

A programação está permanentemente sujeita a alterações.

RICARDO BARBOSA, OBOÍSTA DA OSESP, CONQUISTA TERCEIRO LUGAR NO FESTIVAL PRIMAVERA DE PRAGA

Foto: Ricardo Barbosa

Ricardo Barbosa, formado pela Academia de Música da Osesp e oboísta da Orquestra desde 2011, ficou entre os três primeiros colocados do 69º Festival Primevera de Praga. O evento foi criado um ano após o final da II Guerra Mundial e já teve como participantes Leonard Bernstein e Mstislav Rostropovich.
Este ano, apenas para a categoria oboé, foram 62 participantes selecionados dentre os 184 inscritos de 36 países.

Confira a performance final de Ricardo aqui.

Os concertos da Osesp contam com a realização do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Estado da Cultura.

Para não receber mais Newsletters da Osesp.

Para saber mais sobre a OSESP.
Indique alguém para receber esta Newsletter.