veja esse e-mail online Facebook Twitter Youtube Vimeo
Newsletter Junho 17ª Edição
EDIÇÃO Anterior | Confira a programação completa
Foto: Éric Le Sage e Frank Braley

46º FESTIVAL INTERNACIONAL DE INVERNO DE CAMPOS DO JORDÃO | 04 DE JULHO A 02 DE AGOSTO DE 2015

Maior evento de música erudita do Brasil, o 46º Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão acontece entre os dias 04 de julho e 02 de agosto de 2015. A abertura oficial será no dia 04/07, no Auditório Cláudio Santoro, em Campos do Jordão, com um concerto da Osesp e do Coro da Osesp sob a  regência de Marin Alsop, interpretando Os Planetas, de Holst.

Entre os solistas convidados estão o violoncelista Antonio Meneses, o trompetista Pacho Flores, o fagotista Martin Kuusmann, o clarinetista Michael Collins e o pianista Cristian Budu. Entre as atrações de câmara estão o Brodsky Quartet, de Londres (Quarteto de cordas residente do Festival), o Duo Assad (violões), o Cavatina Duo, de Chicago (flauta e violão), o Quarteto Osesp e o Quinteto Villa-Lobos. As orquestras participantes incluem a Orquestra Sinfônica de Heliópolis, a Filarmônica de Goiás, a Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal de São Paulo, a Orquestra Sinfônica da USP e a Orquestra Sinfônica de Campinas.

Ao longo de três semanas, de 05 a 26 de julho, todas as atividades do núcleo pedagógico estarão concentradas na Sala São Paulo, na capital paulista. Os  bolsistas de instrumentos, composição e regência terão aulas, masterclasses e ensaios na casa da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, tendo a oportunidade de usufruir de toda a sua estrutura, assistir aos concertos da Osesp e ainda conviver de perto com seus músicos.

O 46º Festival receberá até 144 alunos com bolsa integral, que formam a Orquestra do Festival e outros 50 contarão com bolsa parcial e carga horária menor, e formarão a Camerata do Festival, voltada para o período clássico e romântico, apresentando-se sob o comando do maestro assistente Yuri Azevedo e dos bolsistas de regência. A definição de bolsa integral ou parcial se dará mediante classificação.

Na última semana do 46º Festival de Inverno de Campos do Jordão, de 27/07 a 02/08, será realizado o Festival Coral, sob a coordenação de Naomi Munakata (a primeira edição aconteceu em abril de 2014). O Coro do Festival, formado por aproximadamente 40 bolsistas, será regido por Carlos Fernandez Aransay, maestro espanhol radicado em Londres. Na programação, apresentam-se também os Coros da Osesp, Acadêmico, Infantil e Juvenil da Osesp, além do Coral Jovem do Estado, da Capella Paulistana e do Coral Paulistano.Todas as atividades pedagógicas do Festival Coral também serão realizadas na Sala São Paulo.

O concerto de encerramento acontece no dia 02/08, com a Osesp sob a regência de Giancarlo Guerrero, tendo como solista convidado o violonista Manuel Barrueco, que toca o Concerto Para Violão, de Villa-Lobos, e com a participação do Coro da Osesp e do Coro do Festival, interpretando a Cantata Criolla, de Antonio Estévez.

O Festival é uma realização da Secretaria de Cultura do Governo do Estado de São Paulo, em parceria com a Fundação Osesp, a Prefeitura de Campos do Jordão e a iniciativa privada, e tem direção executiva de Marcelo Lopes, direção artística de Arthur Nestrovski, coordenação artístico-pedagógica de Fábio Zanon e consultoria artística de Marin Alsop.

Veja a programação completa aqui.

TITO MUÑOZ REGE O CONCERTO PARA CLARINETE, DE NIELSEN, COM JULIAN BLISS COMO SOLISTA | 04 e 05/06, 21H e 06/06, 16H30

Foto: Tito Muñoz

O norte-americano Tito Muñoz, diretor musical da Sinfônica de Phoenix, é o regente convidado desse programa, que traz como solista o jovem clarinetista inglês Julian Bliss, considerado um dos mais talentosos e versáteis músicos da atualidade em seu instrumento. Ambos se apresentam pela primeira vez com a Osesp.

O programa abre com Green, de Toru Takemitsu – Compositor Transversal da Temporada 2015 –, peça que, segundo o autor, foi escrita a partir de seu desejo de “descobrir os segredos da música de Debussy”.

Em seguida, o clarinetista Julian Bliss se junta à Osesp para interpretar o Concerto para Clarinete, Op. 57, de Carl Nielsen, inaugurando o ciclo Nielsen 150, em comemoração ao sesquicentenário de nascimento do compositor dinamarquês.

Ao final, a Osesp toca a Sinfonia nº 8, de Beethoven.

O público pode acompanhar ainda o Ensaio Aberto da Osesp, na quinta, 04/06, às 10h, com ingressos a R$ 10,00.

4 JUN QUI 21H Pau-Brasil
5 JUN SEX 21H Sapucaia
6 JUN SÁB 16H30 Jequitibá
TITO MUÑOZ REGENTE
JULIAN BLISS CLARINETE

TORU TAKEMITSU COMPOSITOR TRANSVERSAL
Green
CARL NIELSEN NIELSEN 150
Concerto Para Clarinete, Op.57
LUDWIG VAN BEETHOVEN
Sinfonia nº 8 em Fá Maior, Op.93

MASTERCLASSES OSESP – JULIAN BLISS (CLARINETE) 05/06, 14H, GRATUITO

Desde 2008, as Masterclasses oferecem a estudantes e profissionais de música da Osesp e de outras instituições a oportunidade de aprimorar sua técnica musical. Músicos renomados que atuam no país e no mundo, muitos deles convidados da Temporada Osesp na Sala São Paulo, falam de sua carreira e práticas de estudo.

Na sexta-feira (05/06), às 14h, o clarinetista Julian Bliss ministrará masterclass gratuita a todos os interessados. Inscreva-se!

MATINAIS OSESP – TITO MUÑOZ (REGENTE) E JULIAN BLISS (CLARINETE) | 07/06, 11H, GRATUITO

Foto: Foto: Julian Bliss

No domingo, 07/06, às 11h, a Osesp apresenta mais um concerto matinal gratuito. Sob a regência do norte-americano Tito Muñoz, o programa inicia com o Concerto para Clarinete, Op. 57, de Carl Nielsen, recebendo como solista o jovem clarinetista britânico Julian Bliss, um dos maiores talentos de sua geração.

Para encerrar, a Osesp executa a Sinfonia nº 8, de Beethoven.

Com entrada franca, os ingressos são disponibilizados nas bilheterias da Sala São Paulo a partir da segunda-feira anterior ao concerto, limitados a quarto por pessoa. A partir de cinco ingressos, é cobrado o valor de R$ 2,00 (por ingresso). Devido à grade procura recomendamos que verifique se há entradas disponíveis através do telefone 11 3223-3966.

7 JUN DOM 11H
TITO MUÑOZ REGENTE
JULIAN BLISS CLARINETE

CARL NIELSEN NIELSEN 150
Concerto Para Clarinete, Op.57
LUDWIG VAN BEETHOVEN
Sinfonia nº 8 em Fá Maior, Op.93

QUARTETO OSESP INTERPRETA OBRAS DE SALONEN, NIELSEN E BEETHOVEN | 07/06, 16H

Foto: Quarteto Osesp

Em mais um recital pela sua série, o Quarteto Osesp, formado pelos violinistas Emmanuele Baldini, spalla da Osesp, e Davi Graton, e pelo violista Peter Pas e o violoncelista Ilia Laporev, apresenta um repertório que dialoga com o programa dos concertos da Osesp da semana, com obras de Carl Nielsen e Beethoven.

Na abertura, o Quarteto interpreta a obra Homunculus, do compositor (e regente) finlandês Esa-Pekka Salonen. O título evoca uma antiga teoria de que o sêmen era, na verdade, um homem em miniatura: do mesmo modo, esta composição, curta e compacta, encerra em sua estrutura todas as características de uma obra completa.

Em seguida, o grupo toca o Quarteto em Sol Menor, Op. 13, de Carl Nielsen, dando continuidade ao ciclo que celebra o aniversário de 150 anos de nascimento do compositor dinamarquês.

Na segunda parte, os músicos executam o Quarteto nº 16 em Fá Maior, Op. 135, de Beethoven, última obra escrita pelo compositor.

7 JUN DOM 11H Quarteto Osesp
QUARTETO OSESP

ESA-PEKKA SALONEN
Homunculus
CARL NIELSEN NIELSEN 150
Quarteto em Sol Menor, Op.13
LUDWIG VAN BEETHOVEN
Quarteto nº 16 em Fá Maior, Op.135



A programação está permanentemente sujeita a alterações.


Os concertos da Osesp contam com a realização do Governo do Estado de São Paulo, por intermédio da Secretaria de Estado da Cultura.

Para não receber mais Newsletters da Osesp.

Para saber mais sobre a OSESP.
Indique alguém para receber esta Newsletter.